Do Comitê de Ajuda à Evolução à Colaboração entre Itália e Brasil

Do Comitê de Ajuda à Evolução à Colaboração entre Itália e Brasil

A Presidente da Comissão Parlamentar Antimáfia, Chiara Colosimo, anunciou a criação do Comitê sobre a evolução das máfias estrangeiras, uma notícia recebida com atenção pela presidente da Associação pela Cidadania, Renata Bueno. Os fenômenos mafiosos, embora uma dura realidade em todo o mundo, têm uma presença significativa também na América Latina, incluindo o Brasil. Colaborações passadas e atuais entre a máfia italiana e entidades locais são amplamente conhecidas, marcando uma preocupante realidade.

Renata destaca que diversos membros da máfia siciliana e calabresa optaram por fugir para o Brasil, estabelecendo assim uma sólida colaboração entre os dois países. Os crimes abordados incluem, mas não se limitam ao tráfico de drogas, exploração da prostituição, jogo e tráfico de armas. A presidente enfatiza que essas atividades criminosas estão em constante crescimento globalmente.

Em nota, Bueno expressa sua convicção de que a máfia pode ser vencida, mas isso requer unidade e trabalho constante. Destaca a necessidade crucial de colaboração entre os países afetados e ressalta que, por meio do trabalho desenvolvido, a Associação pela Cidadania busca promover uma ação efetiva contra essas atividades ilícitas, particularmente no Brasil.

A presidente encerra destacando a importância da união e do esforço conjunto na luta contra a máfia, acreditando que a colaboração internacional é fundamental para enfrentar esse desafio global em constante evolução.